Menu
Busca terça, 19 de fevereiro de 2019
(67) 9860-3221
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

Vereador diz que truculência impediu reeleição de deputado

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

10 outubro 2018 - 00h03

Crise – Fala do juiz Odilon de Oliveira (PDT) em buscar apoio junto aos candidatos ao governo derrotados no 1º turno, incluindo aí o PT, resultou numa pequena crise dentro de Instituição que o apoiou maciçamente. Foi preciso um vídeo para tentar acalmar os ânimos dos fiéis eleitores.

Aliado – Fatos recentes e ainda não tão bem digeridos podem fazer forte de aliado de outrora levar todo o seu apoio ao outro lado.

Impugnados – Ex-prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), teve mesmo com a impugnação de sua candidatura, 46.734 votos dos eleitores de Mato Grosso do Sul. O deputado estadual João Grandão (PT), que passou pela mesma situação, somou 16.020.

Perda – A ausência de representantes de Dourados na Câmara Federal foi tema de discurso de vários parlamentares na sessão da Câmara de Vereadores local na manhã de ontem. 

Nomes - Além de Geraldo Resende (PSDB), que possuía mandato, dois legisladores da Casa – Alan Guedes e Cido Medeiros, ambos do DEM – se colocaram na disputa, entre outros nomes locais, entre eles o deputado estadual George Takimoto (MDB). 

Truculência – O vereador Cirilo Ramão (MDB) também falou sobre a não eleição de um deputado federal por Dourados. E foi além. Após elogiar o mandato de Geraldo Resende (PSDB), dizendo ter sido bom, chamou o parlamentar de truculento, remetendo a esse fator e a ‘falta de humildade e petulância’, como responsáveis pela saída dele da Câmara Federal em 2019.

Apoio – Mesmo sem a definição do MDB estadual, Cirilo usou a tribuna da Câmara para se posicionar no 2º turno do pleito e apoiar a candidatura de Odilon de Oliveira (PDT).

Estradas – O Ministério Público Estadual buscou a Justiça contra a prefeitura de Dourados pela falta de manutenção em estradas rurais do município, principalmente as que ligam assentamentos e propriedades rurais às escolas José Eduardo Canuto Estolano Perequeté e Antonio Vicente Azambuja, no distrito de Itahum. 

Ressaca – O pós-eleição na Assembleia Legislativa foi de agradecimentos e também de lamentações por parte dos deputados. A imagem daqueles que contam o tempo para se despedir da casa contrastava aos outros 13 parlamentares que conseguiram a reeleição.

Força – Defensora do maior engajamento feminino na política, a deputada estadual Mara Caseira (PSDB) lamentou na sessão de ontem, a Assembleia sem a presença de mulheres no próximo ciclo eleitoral. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Vereador da base aliada preso por corrupção é processado pela prefeitura
Oficial que usou veículo oficial para reforma de casa é ‘premiado’ com novo comando
Justiça dá o que vereadores precisam para cassar colegas
Nem base aliada poupa Délia Razuk de críticas
No mesmo ano em que ‘fechou’ contrato suspeito, Funsaud decretou emergência financeira

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Motociclista atropela, mata criança de 1 ano em Dourados e foge do local
DOURADOS
Motorista tenta desviar de outro veículo e bate carro em árvore
NOVA ANDRADINA
Mãe de 16 anos mata filha de apenas 21 dias
DOURADOS
Um ano após pedido de demissão, ex-secretário de Délia retorna à prefeitura