Menu
Busca quinta, 21 de março de 2019
(67) 9860-3221
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

"Pizzaria corporativista": vereadores ignoram provas para salvar colegas presos de cassação

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

12 março 2019 - 00h03

Expediente – Em entrevista à rádio Grande FM na manhã de sábado, o secretário de Fazenda Paulo César Nogueira e o procurador-geral do Município, Sérgio Henrique Pereira Marins de Araújo, afirmaram que podem retomar o expediente normal de 8h diárias nas repartições públicas municipais ainda este ano. Desde 2016, a maioria dos setores da administração funcionam entre 7h30 e 13h30.

Mesma coisa – Quem também deve retomar o expediente de 40h semanais – ou seja oito horas diárias – é o funcionalismo público estadual. A equipe do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) já começou a tratar sobre o assunto e vai se reunir com sindicatos para debater o tema. 

Sessão – A Câmara de Dourados realiza a segunda sessão da semana nesta terça-feira para compensar a ‘ponte’ do Carnaval que impossibilitou a realização do encontro no dia 4 de março.

Vizinha – Ainda repercutindo a visita técnica aos dois hospitais em obras no município, na manhã de sexta-feira, foi nítida a presença em massa de políticos de Itaporã em Dourados, até mais do que os daqui.  

Casa – Alias, a administração da cidade vizinha, ao contrário do que ocorre em terras douradenses, deu total respaldo às diretorias de Sete e Operário e deixou o estádio Chavinha em condições de receber partidas das duas equipes no Campeonato Estadual de futebol. Já o Douradão permanece com os portões fechados ao público. 

Imagem – O deputado federal Loester Truts, conhecido como Tio Truts (PSL/MS), provocou pelo Facebook quem se posiciona contrario ao governo de Jair Bolsonaro (PSL). Com um biscoito em formato de rosca próximo a uma vela, seu perfil trouxe a seguinte frase: “O cara que fala ‘Bozo’ ou ‘Bolsominion’”. 

Pena – Lamentável ver alguém eleito para exercer mandato de quatro anos se posicionando dessa maneira. Com certeza, as pessoas que nele votaram, esperançosos pelo discurso de uma ‘nova política’ vendido durante o pleito, esperam mais de seu trabalho do que simples ações infantis nas redes sociais. 

Trabalho - Talvez, seria mais interessante ao nobre deputado aproveitar esse tempo ocioso na Câmara dos Deputados, para estudar a reforma da previdência ou articular ações que ajudem a resolver problemas em Mato Grosso do Sul.  

Pizzaria – Se alguém tinha dúvidas de para quem alguns vereadores de Dourados estão legislando, ela se dissipou ontem com a ‘pizzaria corporativista’ apresentada pelo ex-líder da prefeita Délia Razuk (PR) na Câmara, Júnior Rodrigues (PR) e pelo seu colega, Romualdo Ramin, que pediram pelo arquivamento do processo de cassação contra Idenor Machado (PSDB) e Denize Portollan (PR), suspeitos de envolvimento com esquema de corrupção na Casa. 

Brincou – Tanto Junior, quanto Ramin, não só ignoram as provas entregues pelo Ministério Público Estadual para análise dos fatos com maior profundidade, como brincam com a cara das pessoas ao alegar que os pedidos de cassação são considerados inaptos. Não duvidem se, as argumentações de Bebeto (PR) e Carlito do Gás (Patriota), sejam as mesmas em relação aos casos de Cirilo Ramão e Pedro Pepa (DEM).

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tucanos e petistas já se movimentam pensando nas eleições municipais
Agora como vereadora, Marinisa tem novo ‘embate’ com educadores
Pressão popular deve ser mantida para Câmara cassar vereadores
MDB quer dar a "volta por cima" usando Puccinelli mais uma vez
Prefeitura se silencia em novo escândalo de corrupção

Mais Lidas

PREJUÍZO
Chuva forte derruba árvores e deixa ruas alagadas em Dourados
IMPETUS
“Central de inteligência” do PCC que planejava matar servidores de MS é desarticulada na PED
PONTA PORÃ
Chuva forte causa transtornos e casal cai de moto em meio a enxurrada; veja vídeo
DOURADOS
Defesa Civil mantém alerta com “chuvarada” que deve continuar na região