Menu
Busca terça, 18 de dezembro de 2018
(67) 9860-3221
COLUNA

Saúde

Fernanda Viana

Nutrição e o Câncer de Mama

E-mail: contatonutrifernanda@gmail.com

15 outubro 2018 - 01h02
Atualmente, o câncer de mama é um grave problema de saúde pública por sua elevada frequência e mortalidade em todo o mundo. Desde os anos 1990, o movimento outubro rosa foi criado para conscientizar sobre fatores de risco, prevenção e combate ao câncer de mama, uma das doenças mais comuns entre as mulheres. Além das campanhas que acontecem em todo o mundo, o Outubro Rosa também serve para que as mulheres fiquem mais atentas aos seus hábitos alimentares e rotinas de exames.
 
No Brasil, o câncer de mama, é a 2ª maior causa de morte por câncer no mundo.
 
No que se refere a alimentação e nutrição, já é conhecido que uma das formas mais eficazes de evitar a doença é a alimentação e a adoção de hábitos saudáveis. Mudança no estilo de vida e escolhas alimentares como ações preventivas são importantes, como:
 
Consuma, diariamente, um mínimo de 5 porções de frutas e vegetais variados, preferencialmente os ricos em nutrientes que podem prevenir o câncer: os de cor amarelo-alaranjado e vermelho, frutas cítricas, folhosos de cor verde escuro e crucíferos (brócolis, couve-flor, repolho, rabanete, couve-de-bruxelas, couve-manteiga);
 
Use alimentos naturais e integrais com o mínimo de processamento industrial; uma vez que os produtos processados e ultraprocessados são considerados alimentos promotores do câncer;
 
Inclua no cardápio diário: leguminosas (soja, feijão, grão de bico, lentilhas e ervilhas), sementes e cereais integrais: trigo, cevada, aveia, linhaça, e arroz integral;
 
Limite o consumo carnes vermelhas e de gorduras, principalmente as de origem animal.
 
Reduza o consumo, defumados, embutidos e churrascos, a presença de substâncias envolvidas com maior promoção de câncer;
 
Substitua o sal por temperos naturais, alho, cebola, ervas aromáticas e especiarias naturais, frescas ou secas (tomilho, manjericão, coentro, hortelã, erva-doce, cominho, pimentas, curry e outras);
 
Além da alimentação balanceada, é importante aliar a prática orientada de exercícios físicos, abolir o hábito do cigarro e reduzir o peso. Sendo assim, a associação de cuidados nutricionais e a avaliação médica de rotina preventiva podem atuar de forma muito positiva na prevenção e identificação precoces do câncer. O câncer de mama pode ser detectado precocemente e ter significativas chances de cura. Porém, minimizar o risco do seu surgimento pode ocorrer de modo natural, adotando-se bons hábitos de vida e isso inclui adequadas escolhas na alimentação, a prática de exercícios físicos e estratégias para lidar com o estresse da vida moderna.
 
Especialização em Nutrição Esportiva, Terapia Nutricional, Nutrição Clínica e Fitoterapia - CRN3 27940. Escreve para o Dourados News
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

É possível controlar a comilança do fim de ano?
Embutidos e câncer
Como comer de forma saudável fora do lar?
Redes sociais podem ser gatilho para distúrbios alimentares na adolescência
Novembro Azul: a saúde do homem

Mais Lidas

DOURADOS
Jovem faz desabafo sobre a morte do pai em confronto: “lamento por você ter escolhido esse caminho”
DOURADOS
“Batida” acaba com festa lotada de menores e regada a bebida alcoólica
DOURADOS
Délia exonera cinco secretários de uma só vez e inicia reforma administrativa
POLÍCIA
Jovem é baleada em tentativa de assalto em Dourados