Menu
Busca quarta, 21 de agosto de 2019
(67) 9860-3221
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

Lentidão da prefeitura atrapalha conscientização da população

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

14 janeiro 2019 - 23h03

Parado – Como tudo na atual administração municipal tramita quase parando, a licitação para a contratação de agência de publicidade que vai cuidar das contas da prefeitura ainda permanece estacionada e pelo jeito, assim ficará por muito tempo, já que parece não haver disposição em se resolver o assunto. 

Campanha – Sem que haja essa ‘boa vontade’, começando pela lisura e integridade do processo a ser investido o dinheiro público, campanhas importantes à população e também ao poder público, como do IPTU, comum nessa época do ano, ficam sem atingir os resultados necessários. 

Ceim – Outro mostra da lentidão de como andam as coisas por aqui é a situação apresentada no Ceim do Parque do Lago, obra que já consumiu mais de R$ 1 milhão e que agora está tomada pelo mato e virou abrigo a moradores de rua. 

Processos – Citado ontem em Na Lata! como nome forte para assumir a Secretaria de Planejamento, o ex-secretário no governo José Elias Moreira, Valdemir Barbosa de Vasconcelos, possui vários processos contra ele pelo não pagamento de tributos municipais. Alguns imóveis de sua propriedade chegaram até a ir a leilão. 

Desistência – Ontem, em contato com pessoas próximas, Valdemir confirmou o convite, porém, disse que não aceitará ocupar o cargo deixado por Tahan Sales Mustafá no mês passado. 

Mamata – Deputados com mandato tampão por Mato Grosso do Sul contrataram 25 assessores parlamentares para o mês de recesso na Câmara. O ‘campeão’ dessas nomeações é o ex-coordenador da Defesa Civil de MS, Isias Bitencourt (PRB), com 13, seguido por Junior Coringa (PSD), nove e Carla Stephanini (MDB), três.

Assessores – Na Câmara dos Deputados, o número máximo de contratações é de 25 assessores para cada parlamentar com mandato, e os salários variam entre R$ 980,98 e R$ 15 mil, com carga de 40 horas semanais.

Nomeações – O novo governo de Reinaldo Azambuja (PSDB) já está praticamente completo, faltando apenas a decisão do Detran/MS, que pode automaticamente, mudar o comando da Sanesul, com a saída de Luiz Carlos Rocha para assumir o Departamento.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Torcida, desabafo e cobrança no retorno de vereadores à Câmara
Soraya transfere ‘culpa’ por corte de verbas do Aeroporto à prefeitura
Volta de ‘afastados’ deve salvar Júnior Rodrigues de cassação
Deputado ‘culpa’ PCCR por caos econômico em Dourados
Vereador “cola” em diretor durante evento para sondar decreto

Mais Lidas

ESTUPRO
Homem é preso após dormir com a namorada de 11 anos
DOURADOS
Ladrão é preso acusado no furto de carro, R$ 30 mil em joias e eletrônicos
CAARAPÓ
Colisão frontal entre carretas deixa um morto na BR-163
POLÍCIA
Integrante de quadrilha especializada em roubo à famílias é apresentado pelo SIG