Menu
Busca domingo, 15 de setembro de 2019
(67) 9860-3221
COLUNA

Saúde

Fernanda Viana

Devo beber água durante o treino?

E-mail: contatonutrifernanda@gmail.com

17 junho 2019 - 00h02

Durante o treino ou prática de atividade física, ocorre uma perda hídrica natural através do suor, a taxa de transpiração pode ser grande. Em média, perde-se de 1 a 2 litros de líquidos por hora de exercício, dependendo das condições ambientais de temperatura e umidade relativa do ar.

Através da transpiração, ocorre perda de água e eletrólitos (sódio, potássio, magnésio...etc), que causam desidratação e acarretam na diminuição do volume sanguíneo em cada bombeamento (batimento cardíaco) realizado pelo coração. Entretanto, o organismo mobiliza a água de várias partes do corpo para o sangue. Uma vez que esse mecanismo passa a ser insuficiente e não dá conta do recado, ocorre um aumento da frequência cardíaca na tentativa de manter o bombeamento de sangue e a pressão arterial em condições normais. Já quando o aumento da frequência cardíaca é insuficiente, ocorre uma redução de força aeróbia (capacidade respiratória) e prejuízo no desempenho durante a atividade física.

Pode-se observar que a desidratação provoca alguns prejuízos a saúde e afeta o funcionamento de diversos sistemas relacionados ao metabolismo e ao desempenho físico. Assim recomenda-se que os indivíduos ingiram em torno de 400 a 600mL de líquidos nas duas horas que antecedem um exercício, para promover uma hidratação adequada e haver tempo suficiente para excreção da água ingerida em excesso. 
Durante o exercício, os atletas devem se hidratar o quanto antes e em intervalos regulares (podendo variar de 200 a 300mL a cada 10 a 20 minutos), com o objetivo de consumir líquidos em uma taxa suficiente para repor toda a água perdida através do suor, ou consumir a maior quantidade tolerada. 

Em eventos que perdurem por mais de 1 hora, atletas devem consumir fluidos contendo carboidratos e eletrólitos preferivelmente à água. A adição de carboidratos e/ou eletrólitos, é recomendada, em quantidades equilibrada, já que não prejudica a distribuição de água pelo organismo e sim facilita, e melhora o desempenho físico.

Mas cuidado com o exagero! O consumo de um grande volume de água pode provocar desconfortos gastrointestinais, por isso, a sua tolerância deve ser considerada.

Para saber o quanto de água você perdeu durante o treino é fácil. Basta se pesar antes de iniciar a atividade física e depois do término da mesma. A quantidade perdida de peso reflete a quantidade de água perdida, que é a mesma que você deve consumir. Se ingeriu algum líquido durante o exercício, a quantidade consumida deve ser desconsiderada.

Muitos não ligam muito para a importância de iniciar um treino bem hidratado e manter essa hidratação durante e após, mas a falta de hidratação pode atrapalhar seu desempenho. Fique atento!

*Especialização em Nutrição Esportiva, Terapia Nutricional, Nutrição Clínica e Fitoterapia - CRN3 27940. Escreve para o Dourados News

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Não como saladas e nem frutas, e agora?
Vitamina K: pouco conhecida, porém muito importante!
Colesterol: como controlar?
Desperdício de alimentos: o que eu tenho a ver com isso?
Agosto dourado: a importância da rede de apoio para o sucesso da amamentação

Mais Lidas

DOURADOS
Motorista faz ‘strike’ de motos no Centro e deixa três feridos
DOURADOS
Força-tarefa tira mais de 20 veículos de circulação na Coronel Ponciano
TRAGÉDIA
Cantor sertanejo morre em acidente de carro no MS
DOURADOS
Armados, indígenas se aproximam de seguranças em área invadida na Perimetral Norte