Menu
Busca sexta, 23 de agosto de 2019
(67) 9860-3221
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

De olho na prefeitura, deputado diz que não há convite do DEM a Délia

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

16 julho 2019 - 00h03

Enquete – O governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) foi bem avaliado em enquete proposta pelo Dourados News. Dos 1.064 participantes, 47,74% classificaram como ótima a sua gestão nesses primeiros seis meses, enquanto 35,24% consideram ruim. Outros 17,07%, regular.

Eleições – No pleito do ano passado, Bolsonaro recebeu 65,22% (872.049 eleitores) dos votos válidos em Mato Grosso do Sul, contra 34,78% (465.025) do seu adversário, o petista Fernando Haddad. No primeiro turno, o atual presidente teve 55,06% contra 23,87% de Haddad. 

Diárias – O Ministério Público Estadual gastou com diárias pagas a seus servidores no mês de junho, R$ 287.644,54, média de pouco mais de R$ 9,5 mil ao dia. Já em relação a passagens, o MPE desembolsou R$ 40.601,04.

Imbróglio – Aguardando a publicação do acórdão para retomar o seu mandato de vereador, Braz Melo (PSC) foi lembrado pelo cerimonial do município durante a inauguração do Poupatempo na manhã de ontem, como ex-prefeito e não pelo cargo Legislativo. 

Entrosamento – No mesmo evento, mas em entrevista ao Dourados News, a prefeita Délia Razuk destacou a ajuda que o município vem recebendo do governo do Estado na realização de obras de infraestrutura e acredita no término da revitalização da avenida Hayel Bon Faker ainda durante o seu mandato. 

Reeleição? – Fora do PL, a prefeita ainda não adianta a qual sigla se filiará e também evitou falar sobre reeleição no ano que vem, quando se encerra o primeiro mandato dela à frente do Município. “Entendo que o mandato é por um período e entrego na mão de Deus para ver o que ele traz para mim”, disse. 

DEM? – Questionado sobre a possibilidade de contar com a prefeita no partido, o presidente do DEM em Dourados, deputado estadual José Carlos Barbosa, o Barbosinha, negou a existência de conversas, mas afirmou que o partido tem postas abertas para todos. 

Fora – O juiz aposentado Odilon de Oliveira deixou o PDT e ainda não sabe em que sigla se filiará. A intenção dele é disputar o pleito municipal de 2020. No ano passado o magistrado se candidatou pelo governo, porém, acabou derrotado por Reinaldo Azambuja (PSDB). O anúncio foi feito pela rede social. 

Trânsito – Os constantes acidentes registrados na Coronel Ponciano mostram a urgência de se implantar modificações naquela via de ligação da região Sul ao Centro de Dourados. 

 

*Colaborou André Bento

Deixe seu Comentário

Leia Também

Parlamentares de MS apelam às redes sociais e pedem voto para prêmio
Ex-campeão do mundo é tietado por deputados durante entrega de Moção na ALMS
Torcida, desabafo e cobrança no retorno de vereadores à Câmara
Soraya transfere ‘culpa’ por corte de verbas do Aeroporto à prefeitura
Volta de ‘afastados’ deve salvar Júnior Rodrigues de cassação

Mais Lidas

TRÂNSITO
Empresa desliga mais de 30 lombadas eletrônicas em Dourados após rescisão contratual
Hospital da Vida
Ao MPE, médico relata confusão total de informações em plantão com morte
DOURADOS
Veículo é consumido pelas chamas no Água Boa; veja vídeo
CRIME ORGANIZADO
Operação contra o PCC cumpre 30 mandados de prisão em cidades de MS