Menu
Busca terça, 21 de maio de 2019
(67) 9860-3221
COLUNA

Na Lata!

Adriano Moretto

Base acredita conseguir salvar vereadores de cassação

Comentários, críticas e sugestões: adrianomoretto.oliveira@gmail.com

22 abril 2019 - 00h05

Tag – A imposição feita pela EXP Parking - concessionária que explora o estacionamento na área central de Dourados - para que o consumidor adquira a ‘tag’ ao preço de R$ 100 é só mais uma, das inúmeras polêmicas a qual a empresa se vê envolvida nesses três anos atuando por aqui.

Valores – Em 2016, logo quando começou a prestar o serviço na cidade, a Justiça chegou a suspender a cobrança do rotativo após uma série de denúncias de irregularidades no modo de cobrança realizadas junto ao Ministério Público. 

Monitores – A dificuldade em se encontrar trabalhadores da EXP na região central para a aquisição dos créditos fracionados também é motivo constante de reclamação por parte do usuário dos serviços. 

Contrapartida – Mas, afinal, qual a contrapartida que a empresa traz à população? Por mais que a prestação de serviço realizada a ela renda tributação à prefeitura, o usuário que paga o serviço não vê motivos para aceitar a imposição desses valores, independente de como ele é cobrado. Basta ver a situação de muitas dessas vagas demarcadas, completamente tomadas por buracos e, em alguns casos, até raízes de árvores.  

S.O.S – O ‘pesado’ trânsito na região Sul de Dourados será tema de discussão amanhã à noite na Câmara de Vereadores. Especialistas debaterão ações para garantir segurança a moradores que precisam atravessar diariamente as BR’s 163 e 463. A audiência está agendada para as 19h e foi proposta por Lia Nogueira (PR).

Movimento – Vereadores da base aliada estariam se articulando para tentar salvar da cassação parte dos parlamentares investigados por envolvimento em esquemas de corrupção em Dourados. 

Abafa – Pessoa que anda pelos corredores da Casa afirma que a ‘esperança’ do grupo se dá por uma falsa expectativa de que a situação se acalmou no local - principalmente em relação a opinião pública - após a implantação das quatro comissões processantes investigando Idenor Machado (PSDB), Cirilo Ramão (MDB), Pedro Pepa (DEM) e Denize Portollan (PR).

Oitivas – Enquanto isso os depoimentos de testemunhas e suspeitos de participação no esquema vêm sendo colhidos pelos grupos responsáveis por encaminhar os pareceres ao fim das investigações. 

Facultativo – Agora com autonomia e desvinculado do ponto facultativo decretado pelo município, a Câmara de Dourados funcionou normalmente na quinta-feira – quando as repartições públicas pararam. 

Dia D – Está marcada para hoje reunião que pode articular a Sérgio de Paula a presidência do PSDB estadual. Devem marcar presença do encontro o governador Reinaldo Azambuja e os deputados federais Rose Modesto e Beto Pereira, que ‘brigam’ para ocupar o cargo. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Relator e presidente de processante vão contra a própria decisão
Após salvar investigados de cassação, base deve votar pela perda de mandato de Idenor
Relação entre vereadores “azeda” após absolvições e oposição estuda CPI com relatórios da CGU
Pepa e Idenor devem ter o mesmo destino de Cirilo: absolvição
Pepa e Cirilo serão absolvidos por quem?

Mais Lidas

ITAPORÃ
PM da reserva morre em acidente próximo a ponte do Rio Santa Maria
DOURADOS
Comissão vota contra o próprio parecer e Idenor se salva de cassação
EDUCAÇÃO
Inscrições do Encceja 2019 começam nesta segunda-feira
DOURADOS
Ex-líder da prefeita Délia Razuk é alvo de pedido de cassação