Menu
Busca terça, 13 de novembro de 2018
(67) 9860-3221

Coisas boas por aqui também

04 maio 2011 - 15h53

Um casamento espetacular como desfecho de um belo romance foi o assunto com que se ocupou a mídia durante toda a semana passada. Graças a Deus! Já não dava mais para aguentar tanta desgraceira mostrada nesses últimos meses.

Enfim, o mundo parou para assistir um casamento – e que casamento! Isso mostra que coisas boas também fazem grandes notícias e não somente desgraças. Os jornais dizem que dois bilhões de pessoas devem ter assistido pela TV o enlace do príncipe William com a plebéia Kate Middleton.

Não importa que esse casamento seja um golpe de marketing da família real inglesa, como dizem os que são contrários às monarquias. O que importa é saber que em frente a milhões de TVs
pelo mundo todo estavam pessoas sorridentes e maravilhadas assistindo o espetáculo. Nada de tristeza, só alegria!

A mídia, que como se sabe procura aquela noticia semanal – quase sempre uma desgraça – para nos prender em sua audiência, deveria nos contemplar, mais seguidamente, com noticias alegres como a desse casamento.

No Brasil também tivemos boas notícias nessa semana passada. Uma delas foi a determinação da presidente Dilma em privatizar alguns aeroportos. Aliás, os mais importantes do país: Guarulhos, Galeão, Confins, Viracopos e Brasília. A presidente tem razão ao contrariar, mais uma vez, o seu antecessor e consequentemente a esquerda estatizante. Mostrou, com essa decisão, que também não aguenta mais as confusões nos aeroportos. Achou melhor entregar à iniciativa privada empresas que precisam de decisões imediatas. Fez Bem.

Até a Câmara dos Deputados parece querer tomar jeito. Em sua primeira decisão acertada destes últimos anos a Câmara dos Deputados vai aprovar, já que os congressistas chegaram a um
consenso, o relatório do deputado federal Aldo Rebelo (PCdoB) quanto à nova adequação do Código Florestal.

A discussão acerca do novo Código Florestal vinha se arrastando há mais de dois anos e sua aprovação nos moldes como está proposto agora vem dar mais tranqüilidade a milhões de brasileiros que vivem do trabalho da terra. Tanto pequenos quanto grandes produtores terão
a partir do novo Código Florestal regras mais claras do uso da terra.

Um longo trabalho, com dezenas de audiências públicas realizadas pelo país inteiro que agora, ao final dele, se dá ao deputado o direito de fazer o seguinte desabafo: _“NãO ESTá EM DISPUTA UM
METRO A MAIS OU A MENOS DE PROTEçãO NECESSáRIA AO SOLO E à áGUA. ESSE DEBATE SIMPLESMENTE INEXISTE NOS PARLAMENTOS E NA MíDIA DOS PAíSES QUE PARA Cá DESPACHAM SUAS ONGS. ÁREA DE PRESERVAÇãO PERMANENTE E RESERVA LEGAL SãO EXPRESSõES INEXISTENTES NA HOLANDA DO GREENPEACE E NEM A MULTINACIONAL DO AMBIENTALISMO TEM REIVINDICAÇãO ALGUMA DE METRAGEM PARA PROTEçãO DE RIOS E FLORESTAS NO PAíS ONDE TEM SUA SEDE”.__ _ Tem gente dizendo que é o melhor trabalho já
feito por um comunista no país. Talvez, mas que é o melhor trabalho deste Congresso dos últimos anos é fácil se ver.

Não só em Londres, no governo da presidente Dilma, ou então, na Câmara dos Deputados, mas também aqui em Dourados a semana que passou teve noticias boas. O prefeito mandou desativar as lombadas eletrônicas simplesmente porque ninguém havia autorizado sua instalação na cidade. O prefeito não disse, mas ficou fácil de ver que aqui não é mais a casa da mãe Joana.



Waldir Guerra

* Membro da Academia Douradense de Letras; foi vereador, secretário do Estado e deputado federal.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS-276
Polícia apreende mais de uma tonelada de maconha em caçamba
CASA PRÓPRIA
Caixa suspende Minha Casa Minha Vida para faixa intermediária
INDUBRASIL
Polícia caça suspeito de matar diarista investigada por latrocínio
JUSTIÇA ELEITORAL
TSE dá 3 dias para Bolsonaro esclarecer 'inconsistências' em contas
UFGD
Abertas inscrições para doutorado em Biotecnologia e Biodiversidade
BRASILÂNDIA
Estudantes de escola de MS criam dicionário de línguas indígenas
JUSTIÇA
Calúnia e difamação em rede social geram dano moral a usuário
ECONOMIA
Dólar fecha em alta de quase 2% e ultrapassa R$ 3,80
BRASIL
Agricultura deverá assumir pesca, pequenos produtores e Incra
FUTEBOL MS
Às vésperas do Arbitral, apenas em estádio está apto para o Estadual Série A

Mais Lidas

ÑU VERA
Homem morre em Dourados após bebedeira
ANGÉLICA
Jovem morre atropelado durante o trabalho em pátio de usina
PEDRO JUAN
Advogada de narcotraficantes brasileiros morre após atentado na fronteira
PARAGUAI
Polícia paraguaia acredita que pistoleiros brasileiros mataram advogada