Menu
Busca Quarta, 22 de Novembro de 2017
(67) 9860-3221

Filho do sertanejo Luciano é preso após agredir a tia

21 Fevereiro 2014 - 20h00

#####R7



O filho do cantor Luciano, Wesley Camargo, ficará preso sem direito a fiança, de acordo com a delegada Ana Elisa Faria. Ele foi detido nesta sexta-feira (21) suspeito de ter agredido uma tia e uma prima em Goiânia (GO).

A delegada informou que exames feitos nas duas vítimas no IML (Instituto Médico Legal) comprovaram as marcas de agressão. Os familiares disseram em depoimento que Wesley tem problemas com drogas e álcool e que chegou em casa agredindo.

Durante entrevista à imprensa, Wesley negou as agressões e disse que também quer registrar uma queixa contra a tia porque ele teria apanhado dela. Ele afirmou ainda que ela sente inveja e quer destruir sua imagem pública.

Segundo a delegada, a briga na família teria começado porque a mulher de Wesley discutiu com a tia dele. A jovem ficou o dia inteiro na delegacia e também foi ouvida. Ela afirmou que contratou um advogado e entrará com um pedido de habeas corpus.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUA DE MEL
Atleta do nado curte dia de sol nas Maldivas
DOURADOS
Prefeita recebe Udam e destaca trabalho conjunto com presidentes de bairros
ASSEMBLEIA
Executivo envia três projetos à Casa de Leis nesta quarta-feira
FUTSAL
Presidente Vargas é campeão do Estadual feminino
BRASIL
CCJ dá início à tramitação da PEC que acaba com foro privilegiado
SAÚDE
"Ônibus da Saúde" leva atendimento oncológico até Fátima do Sul no próximo sábado
EDUCAÇÃO FÍSICA
Participantes do Desafio 15 Dias do Jorjão perderam 332 quilos
ECONOMIA
Dólar cai e volta a R$ 3,23 com exterior e à espera de reforma da Previdência
DOURADOS
Délia recebe entidades conveniadas e garante manter parcerias
DOURADOS
Termina amanhã as inscrições para residências no HU

Mais Lidas

CANAÃ I
Homem é preso com mais de 100 porções de pasta base
DOURADOS
Jovem é preso em nova fase de operação contra pedofilia
IVINHEMA
Fim do casamento faz ex divulgar fotos íntimas por whatsapp
JARDIM CLÍMAX
Mulher é presa suspeita de vender catuaba a menores