Menu
Busca segunda, 14 de outubro de 2019
(67) 9860-3221
RURAL

Safra da cana-de-açúcar atinge 21,4 milhões de toneladas em MS

26 julho 2019 - 11h21Por Da Redação

A moagem de cana-de-açúcar da Safra 2019/2020 em Mato Grosso do Sul atingiu 21,4 milhões de toneladas até 15 de julho, 2% acima da quantidade processada no mesmo período da safra passada. Na primeira quinzena de julho, o processamento da matéria-prima foi de 2,9 milhões de toneladas, 20% menor comparado à mesma quinzena do ciclo anterior.

De acordo com o presidente da Biosul, Roberto Hollanda Filho, a ocorrência de chuvas concentradas nas áreas de lavoura prejudicou o resultado da produção na primeira quinzena de julho. “Fatores climáticos desaceleraram a colheita, sobretudo a ocorrência de chuvas nas principais áreas de lavoura foi o que influenciou no ritmo menor de moagem com 700 mil toneladas de cana processadas a menos na quinzena”, explicou.

Com relação à geada que ocorreu nas madrugadas de 6 e 7 de julho, o fenômeno foi registrado em pouco mais de 200 mil hectares de áreas de cana no Estado, em diferentes intensidades, portanto com diferentes possibilidades de impacto.

A estimativa de perda, a depender do manejo que as usinas consigam efetuar pode ficar ente 1 e 2 milhões de toneladas. A chuva, que pode atrapalhar, é um ponto de atenção.

A estimativa de moagem para a Safra, que só se encerra no final de março/20, é de 51 milhões de toneladas. 

Etanol e Açúcar

A produção de etanol hidratado atingiu 1,1 bilhão de litros do biocombustível até 15 de julho, volume 7% acima da safra passada. Já na quinzena, com os impactos das chuvas, a produção foi de 178 milhões de litros, com queda de 3% comparado ao mesmo período do ciclo anterior.

Já a produção de etanol anidro foi menor no período acumulado da safra com relação ao mesmo período da temporada anterior, com 234 milhões de litros [-11%]. Na quinzena, foram produzidos 31 milhões de litros [-50%].

No total, o Estado produziu 1,3 bilhão de litros até 15 de julho, volume 3% maior com relação ao mesmo período da safra passada.

A produção do açúcar, após uma leve recuperação no início da safra, voltou a ter queda no comparativo com a temporada passada. Foram produzidos 387 milhões de toneladas, quantidade 6% menor. Na quinzena, a produção do alimento foi de 59 milhões de toneladas [-40%].

Mix

O mix de produção na safra, assim como na quinzena, segue com 85% da cana-de-açúcar destinada para a produção de etanol e 15% para açúcar.

ATR

A quantidade de concentração de Açúcares Totais Recuperáveis (ATR) por tonelada de cana se mantém praticamente estável, apesar da influência climática. No período acumulado da safra, o indicador foi de 127,59 kg [-0,9%]. Já na primeira quinzena de julho, o ATR por tonelada de cana foi de 139,90 kg [-0,49].

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Bebê é sexta vítima de acidente na Via Dutra, sentido Rio de Janeiro
Unicef
26% das adolescentes brasileiras casam-se antes dos 18 anos
MS 42 ANOS
Identidade do Estado revela “Brasil profundo” nas artes plásticas
TUFÃO
Passagem do Hagibis no Japão provoca pelo menos 24 mortes
DOURADOS
Programação do “Outubro Rosa” tem evento no dia 16
FAMOSOS
Em meio aos rumos sobre affair, Grazi faz trilha com Caio Castro
DOURADOS
Universidade levará serviços à Praça Antônio João dia 23
ESTADO
Judiciário fará Semana da Conciliação no início de novembro
CRIME
Caçador foge da PMA, mas abandona moto, rifle e munições e acaba identificado
BRASIL
Após dez dias internado, general Villas Bôas recebe alta hospitalar

Mais Lidas

CLIMA
Previsão aponta dias chuvosos e queda de temperatura em Dourados
DOURADOS
Acionados para atender queda de moto, Bombeiros só encontram vítima no local
DOURADOS
Clima fica tenso com índios presos em confrontos às margens da Perimetral Norte
MS
Idosa é atingida por jaca durante procissão e precisa ser socorrida