Menu
Busca domingo, 23 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221
RURAL

Dourados foi terceiro maior produtor de milho segunda safra no Estado

30 setembro 2019 - 09h52Por André Bento

Dourados figura como terceiro maior produtor de milho segunda safra em Mato Grosso do Sul neste ano. De acordo com os dados consolidados pelo setor produtivo, nos 154.468,28 de hectares cultivados no município, foram colhidas 900.247,53 toneladas do grão, com produtividade média de 97,1 sacas (5.828,04 quilos) por hectare.

No mais recente boletim casa rural divulgado pela Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul), a produção estadual totalizou 12.156.976,37 toneladas. As máquinas colheram em 2.173.294,78 de hectares a média de 93,23 sacas (5.593,80 quilos) por hectare.

Em território sul-mato-grossense, a Maracaju é o maior produtor do grão. Os produtores do município plantaram 254.989,56 de hectares e colheram a média de 99,2 sacas (5.949,40 quilos) por hectare, com produção total de 1.517.034,71 toneladas.

Sidrolândia, que colheu 1.058.704,59 toneladas, é o segundo do ranking. Nos 182.287,07 de hectares cultivados, as máquinas obtiveram produtividade média de 96,8 sacas (5.807,90 quilos) por hectare.

Depois de Dourados, encerram a lista dos cinco maiores produtores estaduais Ponta Porã (884.687,20 toneladas colhidas em 172.333,74 de hectares, média de 85,6 sacas - 5.133,57 quilos por hectare), e São Gabriel do Oeste (643.187,81 toneladas em 89.484,15 de hectares, média de 119,8 sacas - 7.187,73 quilos por hectare).

O solo mais produtivo de Mato Grosso do Sul para essa cultura foi o de Alcinópolis, onde o milho segunda safra rendeu 133,8 sacas por hectare, em média, o equivalente a 8.026,20 quilos por hectare. Nesse município, a área cultivada foi de 5.202,39 de hectares e a produção atingiu 41.755,38 toneladas.

Segundo a Famasul, a produtividade média ponderada no Estado foi de 93,23 sacas por hectare, com destaque para a região Norte (113,20 sacas por hectare), seguida pela Sul (90,60 sacas por hectare) e pela Centro (90,30 sacas por hectare).

“Mato Grosso do Sul comercializou até 23 de setembro 53,97% da safrinha 2019. Praticamente o mesmo índice registrado em igual período da safra 2018”, detalha a Federação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LEGISLATIVO
Relatórios da Secretaria de Saúde serão apresentados na próxima semana
CUIDADOS
Corpo de Bombeiros orienta para um feriado de Carnaval em segurança
DOAÇÃO DE SANGUE
Confira o cronograma do Hemosul para atendimento de carnaval
INTERNACIONAL
China já tem mais de 2.300 casos do novo coronavírus
TJMS
Expediente no Judiciário retorna apenas na quinta-feira
CAMPO GRANDE
Justiça manda município reformar escola rural pioneira
CAMPO GRANDE
Bandidos invadem condomínio de luxo e levam joias, dinheiro e armas
CAMPEONATO CARIOCA
Flamengo e Boavista decidem primeiro turno neste sábado
SEGURANÇA PÚBLICA
Operação Fronteira Segura é deflagrada no Sul do Estado
CORUMBÁ
Homem morre ao ser esfaqueado e assassino é preso

Mais Lidas

WEIMAR TORRES
Mulher morre após bater em carro que roletou avenida
JARDIM GUAICURUS
Jovem resgatada foge da UPA e tenta subir em torre mais uma vez
FÁTIMA DO SUL
Polícia prende homem que matou namorada a marteladas
FRONTEIRA
Suspeitos de matar jornalista são presos em operação